mercredi 24 octobre 2012

Mountain of Dinosaurs e a liberdade de consciência

Capture d'écran de «Mountain of Dinosaurs»


Um especialista em paleontologia acabou de encontrar um desenho animado soviético de 1967, intitulado Mountain of Dinosaurs (Montanha dos Dinossauros), que ele chama de "desenho animado de dinossauros mais  triste de todos os tempos."


Esta é a história da mudança climática sofrida pelos dinossauros, e do processo de evolução da reprodução. Inicialmente, no desenho animado, o sol aquecia os ovos de dinossauro de seus raios, e, assim, eles poderiam eclodir. Então, o tempo esfriou, as cascas de ovos foram reforçadas e se adaptaram para sobreviver ao frio, mas de repente os bebês de dinossauros não conseguirem sair dessas. E os pequenos bebês  de dinossauros morreram em suas conchas. Foi a extinção da espécie.

Brian Switek, o especialista explica que o termo "dinossauro” tem sido usado por pacifistas para difamar aqueles que levaria a sua própria extinção pelas armas.
 
A revista The Atlantic diz: um duro ataque do sistema soviético e seu desprezo pelos direitos individuais, o que representa um guardião metafórica furioso".

Eu achei este desenho animado muito contemporeano. Na nossa época, os direitos humanos individuais também são ameaçados. Hoje “Mountain of Dinosaurs” poderia ser uma metáfora da influência dos movimentos ideológicos e religiosos sobre as consciências e as liberdades individuais. Com pretexto de proteger o indivíduo, esses movimentos são capazes de remover o pensamento crítico e a revolta do ser humano. As vezes, o interesse das religiões fica mas na politica e no poder sobre os citadões, do que na fé e na espiritualidade.

Aucun commentaire:

Enregistrer un commentaire